Marcos Ribeiro

Educador Nota 10

2018

Movimento contra o preconceito

A conversa e a pesquisa levaram jovens e adultos a valorizar tradições da cultura afro-brasileira
Educador Nota 10: Marcos Ribeiro
CIEJA Campo Limpo
São Paulo, SP
Educação Física
Ensino Fundamental I – EJA
Projeto:A desconstrução de preconceitos
Número de alunos: 22
Duração do trabalho: 7 meses
Resumo: Por sugestão de uma estudante, o professor Marcos Ribeiro das Neves resolveu se aprofundar sobre o Maracatu, e, com isso, precisou desconstruir algumas narrativas preconceituosas que emergiam dos próprios alunos da EJA – Educação de Jovens e Adultos. Aos poucos, com ajuda de discussões, pesquisas, vivências e trabalhos, os alunos conheceram o contexto social e histórico da escravidão e desta manifestação cultural folclórica afro-brasileira, ampliando e ressignificando os saberes. Como finalização do trabalho, tiveram que preparar coletivamente um cortejo para a abertura de um seminário étnico municipal.
Por que o trabalho foi premiado?
“A temática do Maracatu, que envolve as etnias e, nesse caso, os negros, abordada com profundidade pelo professor Marcos Ribeiro, é muito pertinente para que os alunos entendam como a construção do outro é produzida na sociedade e quais são as relações de poder que os colocam em certas posições de sujeito no interior da cultura. O projeto realizado no CIEJA rompe com o modelo de uma Educação Física tradicional, centrada no esporte, e mostra uma abordagem cultural, que parte da diversidade de conteúdos e promove a vivência, a ressignificação, o aprofundamento e a ampliação das práticas corporais e dos discursos embutidos nelas. Considero relevantes também a qualidade do tratamento dado às informações durante a tematização, com vídeos, e das pesquisas feitas a partir de questões levantadas pelos alunos, como o estudo sobre a escravidão no Brasil.” Marcos Santos Mourão, o Marcola, atua como formador de professores da área de Educação Física e é selecionador do Prêmio Educador Nota 10
[abril-veja-tambem]W3sidGl0bGUiOiJEaWZlcmVuw6dhcyBxdWUgZW5zaW5hbSIsImxpbmsiOiJodHRwczovL25vdmFlc2NvbGEub3JnLmJyL2NvbnRldWRvLzEyNjMzL2RpZmVyZW5jYXMtcXVlLWVuc2luYW0iLCJoZWFkaW5nIjoiTm92YSBFc2NvbGEgIiwiaGVhZGluZy1saW5rIjoiIn0seyJ0aXRsZSI6Ik1hcmNvcyBOZXZlczogRWR1Y2HDp8OjbyBGw61zaWNhIHRhbWLDqW0gw6kgbWlsaXTDom5jaWEgZSBkZXNjb25zdHJ1w6fDo28gIiwibGluayI6Imh0dHBzOi8vdmVqYS5hYnJpbC5jb20uYnIvZWR1Y2FjYW8vbWFyY29zLW5ldmVzLWVkdWNhY2FvLWZpc2ljYS10YW1iZW0tZS1taWxpdGFuY2lhLWUtZGVzY29uc3RydWNhby8iLCJoZWFkaW5nIjoiVmVqYSIsImhlYWRpbmctbGluayI6IiJ9LHsidGl0bGUiOiJFc2NvbGEgY29tIGVzcGHDp28gcGFyYSBub3ZhcyBjdWx0dXJhcyIsImxpbmsiOiJodHRwczovL3ZlamEuYWJyaWwuY29tLmJyL3R2ZWphL2VzdHVkaW8tdmVqYS9lZHVjYWRvci1ub3RhLTEwLWVzY29sYS1jb20tZXNwYWNvLXBhcmEtbm92YXMtY3VsdHVyYXMvIiwiaGVhZGluZyI6IkVzdMO6ZGlvIFZlamEiLCJoZWFkaW5nLWxpbmsiOiIifV0=[/abril-veja-tambem]