Loading
Fundação Victor Civita e Fundação Roberto Marinho

Apoio

Nova Escola

Patrocínio

Fundação Lemann Somos Educação

Apoio Institucional

CONSED British Council
Todos Pela Educação UNDIME
Instituto Natura

Professor brasileiro Wemerson da Silva Nogueira fica entre os 10 finalistas que concorrem ao prêmio de Professor Global de 2017 no valor de 1 milhão de dólares

Príncipe Harry homenageia professores com uma mensagem de vídeo após o anúncio dos dez finalistas

 

Professor Wemerson da Silva Nogueira, finalista do prêmio Professor Global 2017

Wemerson da Silva Nogueira, professor de ciências da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Antônio dos Santos Neves em Boa Esperança, Espírito Santo, foi nomeado como um dos 10 finalistas do prêmio de Professor Global – Varkey Foundation Global Teacher Prize 2017 -, que foi anunciado no site www.globalteacherprize.org.

Em sua terceira edição, o prêmio de 1 milhão de dólares é o maior prêmio desse tipo e foi concebido para reconhecer um professor excepcional que tenha feito uma grande contribuição para a profissão, além de chamar atenção para o importante papel que os professores exercem na sociedade. Ao revelar milhares de histórias de heróis que transformam a vida de vários jovens, o prêmio espera trazer à tona o trabalho excepcional de milhões de professores do mundo todo.

Em uma mensagem de vídeo, o Príncipe Harry fez uma homenagem ao trabalho dos professores do mundo inteiro, no dia do anúncio dos dez finalistas. Ele disse:

"Além de ensinar a ler, escrever e aritmética, os melhores professores vão além das páginas dos livros para ensinar aos jovens sobre determinação, ambição, resiliência e compaixão. Todos enfrentamos obstáculos e desafios em nossas vidas e nossos professores exercem um papel crucial para nos preparar para esses altos e baixos.

Os finalistas do Prêmio de Professor Global deste ano vêm de todos os cantos do mundo, do Ártico Canadense ao Quênia e Paquistão. Mas uma coisa eles todos têm em comum: despertam a curiosidade nas crianças e nutrem os sonhos que podem transformar o mundo para melhor.

Gostaria de concluir parabenizando todos os finalistas. Além de professores excepcionais, vocês são os exemplos que apoiam, inspiram e moldam as vidas das crianças. Seu trabalho é tão importante que não acho que seria exagero dizer que vocês estão construindo o futuro."

Os dez finalistas foram selecionados entre 20.000 indicações e inscrições de 179 países. Ao destacar suas histórias, a Varkey Foundation espera que o público se entusiasme a participar de debates apaixonados sobre a importância dos professores. O vencedor será anunciado no Fórum Global de Educação e Habilidades em Dubai, no domingo, 19 de março de 2017.

A primeira escola de Wemerson da Silva Nogueira, 26 anos, fica em uma periferia com um alto índice de criminalidade. A taxa de evasão escolar era de 50% e as crianças não estavam interessadas em aprender. Para criar um método dinâmico de ensino de ciências, ele decidiu acrescentar músicas para tornar as aulas mais inspiradoras e trazer vida à atividade normalmente entediante de estudar a tabela periódica. Wemerson levou seus alunos para estudar poluição em um rio próximo à escola.

Hoje, sua escola é considerada a melhor da cidade e contribuiu para a redução do tráfico de drogas e da violência em 70% naquela que antes era uma comunidade marginalizada.

Os projetos ambientais de Wemerson lhe renderam o Prêmio Educador Nota 10, que é concedido aos 10 melhores professores do Brasil. Com o dinheiro do prêmio, Wemerson pretendia ajudar os alunos com dificuldades financeiras, qualificar os professores, aprimorar seus estudos e construir um laboratório de ciências e tecnologia na sua cidade natal.

Sunny Varkey, fundador da Varkey Foundation, disse:

"Gostaria de parabenizar Wemerson da Silva Nogueira por ter ficado entre os dez finalistas frente a um grande número de professores talentosos e dedicados. Espero que sua história inspire as pessoas que estão pensando em seguir a carreira de professor e que também chame a devida atenção para o incrível trabalho que os professores fazem por todo o país e no mundo inteiro, todos os dias.

As milhares de indicações e inscrições que recebemos de todos os cantos do planeta são um testemunho das conquistas dos professores e do enorme impacto que eles têm na vida de todos nós".

Os outros nove finalistas do Prêmio de Professor Global de 2017 são:

Raymond Chambers, professor de ciência da computação da Brooke Weston Academy, em Corby, Northamptonshire, Inglaterra.

Salima Begum, diretora da escola para meninas Elementary College for Women Gilgit, no Paquistão.

David Calle, de Madri, Espanha, fundador e criador do site educacional Unicoos.

Marie-Christine Ghanbari Jahromi, professora de educação física, matemática e alemão da escola Gesamtschule Gescher, em Gescher, Alemanha.

Tracy-Ann Hall, professora de tecnologia automotiva da Jonathan Grant High School em Spanish Town, Jamaica.

Maggie MacDonnell, professora da Ikusik School, Kativik School Board, no Ártico Canadense.

Ken Silburn, professor de ciências da Casula High School, no sudoeste de Sydney, Austrália.

Yang Boya, professora de psicologia da The Affiliated Middle School of Kunming Teachers College, na China.

Michael Wamaya, professor de dança em Mathare, Nairóbi, Quênia.

Mais informações sobre os 10 finalistas, acesse www.globalteacherprize.org.

Para participar da conversa online, siga #TeachersMatter em: twitter.com/TeacherPrize e www.facebook.com/teacherprize

Conheça o projeto vencedor do Prêmio Educador Nota 10 de 2016 do professor Wemerson, acesse www.youtube.com/watch?v=1XRCyC1Pm38

Curta a página da Fundação Victor Civita no Facebook: www.facebook.com/fundacaovictorcivita